Atrelagem. 30 OUT 2019

França venceu CAIO4* no Les 5 Étoiles de Pau

A França venceu em casa o CAIO4* do evento Les 5 Étoiles de Pau, mercê do acerto total dos seus três condutores que não permitiram veleidades aos adversários.


Tempo de Leitura: 3 Min

Les etoiles 2019 - maratona - copyright Nicolas Hodys

A prestação irrepreensível dos três condutores da França, levou a equipa à vitória, terminando os gauleses com uma pontuação final de 260,09 pontos, registo que os deixou ficando à frente das restantes nove equipas em competição.

"Esta vitória é uma vitória maravilhosa da equipa! Todos contribuíram para que a França chegasse ao topo, embora os resultados estivessem muito próximos ao longo da competição! Demos tudo o que tínhamos na maratona e foi isso que fez a diferença no final”, afirmou Fabrice Martin, elemento da equipa francesa.

Os nomes que levaram a equipa ao topo da tabela, foram, Fabrice Martin, Jean Michel Olive, que ficou em primeiro lugar na prova da Maratona, e Marion Vignaud.

A Alemanha juntou-se ao pódio em segundo lugar com 272, 30 pontos. A equipa foi composta por Anika Geiger, Marie Tischer e Jessica Wächter. "Foi uma viagem longa, de Alemanha a Pau, mas valeu a pena o esforço, porque a competição foi incrível. Na maratona os obstáculos aquáticos foram desafiantes e meteu os cavalos à prova", revelou Anika Geiger.

Já a equipa holandesa constituída por Joop Gommers, Rudolf Pestman e Saskia Siebers, fechou o top três com 275,93 pontos.

 

Competição individual

Individualmente as provas contaram com cerca de 50 conjuntos. O primeiro lugar coube à belga Laure Philippot, na sela de Galen V, que concluiu com um total de 125,38 pontos (42,77pts do Ensino e 82,61pts na Maratona).

“Fui a primeira na prova de Ensino e consegui manter a liderança. A maratona não é o meu ponto forte, mas fiz o máximo que pude para me manter no primeiro lugar e consegui”, contou a vencedora.

A segunda posição pertenceu a Rudolf Pestman, com Diesel, e 130,10 pontos (49,10pts no Ensino e 80,96pts na Maratona). O holandês mostrou-se satisfeito com a classificação.

“Já estive aqui no ano passado e vim este ano novamente. Queria terminar a temporada melhor do que comecei, por causa da lesão do meu cavalo. Adoro esta competição, mesmo que tenha que percorrer 1500 km, de casa até aqui”, disse.

Fabrice Martin, que competiu com Lanzaro Ene HN, completou o pódio com um resultado final de 132,74 pontos, sendo que 47,49 formam do Ensino, 84,68 da Maratona e ainda somou mais 0,58 pontos nos Cones. “Fiquei em terceiro lugar nas provas individuais e na maratona perdi o lugar, mas ainda estou a descobrir a disciplina, porque não tenho muita experiência com carruagens. Só estou a conduzir o meu cavalo há três meses, então não posso reclamar e estou muito feliz pelo terceiro lugar”, explicou.

A competição deste ano teve um "peso extra", uma vez que é a única prova que antecede ao Campeonato do Mundo, que se disputa no próximo ano, precisamente em Pau.

 

Resultados completos aqui

Fotos: Nicolas Hodys

Autor:

Ana Rita Moura

anaritamoura@invesporte.pt

QUER SABER MAIS SOBRE A CATEGORIA

Insira o seu e-mail e receba todas as novidades