CCE. 28 OUT 2019

Tom McEwen vence Les 5 Étoiles de Pau

O CCI 5* Les 5 Étoiles de Pau, em França, chegou ontem ao fim e a vitória coube ao britânico Tom McEwen.


Tempo de Leitura: 5 Min

Tom McEwen - copyright Nicolas Hodys

Foram 42 os conjuntos a participar no Les 5 Étoiles de Pau, um dos mais importantes eventos anuais de CCI5*, onde Tom McEwen, na sela de Toledo de Kerser, alcançou o primeiro lugar do pódio. O cavaleiro britânico conclui a disciplina de Ensino com 24.9 pontos, ficando à frente de Tim Price, que ocupa a terceira posição do ranking mundial.

Já no Cross, por excesso de tempo, McEwen somou ao resultado final 0.8 pontos, terminando a disciplina de Saltos de Obstáculos sem falhas, o que resultou numa pontuação total de 25.7 pontos, levando-o à vitória. O cavaleiro ocupa actualmente no 12.º lugar no ranking dos melhores cavaleiros do mundo e mostrou-se satisfeito pela vitória. 

McEwen (3)

"O Étoiles de Pau é o primeiro CCE 5* que ganhei na minha carreira. O meu cavalo foi fantástico nos saltos e fez um óptimo percurso limpo. Tudo o que eu tinha que fazer era guiá-lo adequadamente, garantir que o passo estivesse certo”, contou o vencedor.

O segundo lugar da competição destinou-se ao australiano Christopher Burton com Quality Purdey. No Ensino o cavaleiro terminou com 27.8 pontos, no Cross juntou mais 2.0 pontos, por excesso de tempo e nos Saltos somou mais 4 pontos, chegando ao fim com um total de 33.8 pontos.

Burton- copyright Nicolas Hodys (1)

O percurso da última disciplina (Saltos de Obstáculos), esteve a cargo do Chefe de Pista, Pierre Michelet, a quem o cavaleiro australiano não poupou elogios. “Queria dar os parabéns ao course designer, que fez um trabalho incrível. Quando os cavaleiros percorrem a pista, acho que eles pensam que não é um percurso assim tão difícil mas, no final, houve incidentes em quase todas as cercas, o que é sinal de um bom projecto e de um Chefe de Pista muito inteligente ”, disse.

Burton

A subir ao pódio, em terceiro lugar, esteve o conterrâneo de Burton, Shane Rose, montando Virgil. A primeira prova (Ensino), não correu da melhor forma para este australiano, que se classificou em 14.º lugar, com 33 pontos. Mas conseguiu redimir-se no Cross, subindo para a 5.ª posição, com apenas 1.6 pontos, por excesso de tempo. Nos Saltos, Shane Rose concluiu com um percurso limpo e garantiu um resultado final de 34.6 pontos.

Shane Rose copyright Nicolas Hodys (2)

“Quero agradecer à minha esposa, que ficou em casa com os nossos quatro filhos e deu-me a oportunidade de vir até França, para participar nesta competição incrível do outro lado do mundo. A prova de Ensino não correu tão bem como eu queria, mas o percurso de Cross e o de Saltos, correram melhor. É a segunda vez que estou a competir aqui e desta vez tive uma experiência muito melhor", revelou Shane Rose satisfeito com a sua prestação.

 

Resultados completos AQUI

Fotos: Nicolas Hodys

 

Notícias relacionadas: 

- Les Étoiles de Pau

Autor:

Ana Rita Moura

anaritamoura@invesporte.pt

QUER SABER MAIS SOBRE A CATEGORIA

Insira o seu e-mail e receba todas as novidades