Actualidade. 06 JUN 2019

FEP pede parecer jurídico

No seguimento do diferendo entre o Instituto Português do Desporto e Juventude (IPDJ) e a Federação Equestre Portuguesa (FEP), esta última instituição pediu um parecer jurídico.


Tempo de Leitura: 1 Min

FEP

Tal como temos vindo a noticiar, desde Dezembro de 2018, o IPDJ exigiu que fossem revistos os estatutos da FEP. Na sequência dessa exigência, Manuel Cidade Moura, presidente da direcção da FEP à data, renunciou às funções e, em Março deste ano, foram eleitos novos Órgãos Sociais, com José Manuel Elias da Costa a assumir o cargo de Presidente.

Esta semana a FEP divulgou um parecer jurídico que pediu ao professor catedrático da Universidade Católica Portuguesa, Rui Medeiros, que se pronunciou sobre qual deverá ser a representatividade na Assembleia Geral dos sócios que, embora de carácter não desportivo, desenvolvem actividades relevantes para a prática ou promoção do Desporto Equestre.

Fique a conhecer o conteúdo e as conclusões do parecer jurídico AQUI.

 

Notícias relacionadas:

- Eleitos novos órgãos sociais da FEP

- Elias da Costa candidato a presidente da direcção da FEP

- "Todos os emails que recebi, foram respondidos!"

- Congresso para alteração dos estatutos foi pedido

- Congresso eleitoral marcado

- IPDJ confirma divergências com a FEP

- Manuel Cidade Moura renuncia ao mandato

Autor:

Carla Laureano

carlalaureano@invesporte.pt

QUER SABER MAIS SOBRE A CATEGORIA

Insira o seu e-mail e receba todas as novidades