Saltos. 17 DEZ 2018

Edwina faz história

A australiana venceu a primeira edição do Super Grande Prémio do Longines Global Champions Tour.


Tempo de Leitura: 2 Min

Super GP GC Playoffs

A O2 Arena, em Praga (República Checa) foi palco de um momento histórico na disciplina de Saltos de Obstáculos. O Super Grande Prémio disputou-se na noite de sábado, com 16 conjuntos a irem à pista.

A vencedora foi Edwina Tops-Alexander, montando California, que terminou com 4 pontos, feitos na 2.ª mão, e com o melhor tempo de 61,08''. "Honestamente pensei que não tinha ganho, não consegui ver a tabela classificativa. Depois de ter feito o derrube pensei que tinha de dar o máximo. Não consigo acreditar, tive as três semanas mais fantásticas da minha vida e terminar com a vitória no Super GP do LGCT é incrível", referiu a australiana.

O alemão Ludger Beerbaum, na sela de Casello, subiu ao 2.º lugar do pódio também com 4pts, mas com um tempo de 61,56''. "Foi muito emotivo até para um «velho» como eu. Assistimos aqui ao futuro em termos de atletas, uma localização moderna, técnica, é algo realmente emocionante. Para mim foi um marco e gostei de fazer parte dele", afirmou Ludger Beerbaum.

O 3.º posto foi ocupado por Frank Schuttert, em Chianti's Champion, com 4pts e uma 2.ª mão feita em 64,91''. "O meu cavalo saltou de forma fantástica. Tive muita sorte por estar aqui neste concurso fantástico", declarou o cavaleiro holandês.

Pódio Super Taça Playoffs

Na O2 Arena enfrentaram-se ainda 12 equipas para a Super Taça do Global Champions League. A final disputou-se ontem, com os Madrid in Motion a sagrarem-se os vencedores, com 11pts e 200,04''. A equipa foi composta por Marc Houtzager/Sterrehof's Calimero, Maikel van der Vleuten/Verdi TN e Eduardo Álvarez Aznar/Rokfeller de Pleville Bois Margot.

Os Valkenswaard United, representados por Marcus Ehning/Comme Il Faut, Bertram Allen/Harley vd Bisschop e Alberto Zorzi/Contanga 3, garantiram o 2.º lugar do pódio, com um total de 17pts e 193,49''.

Em 3.º ficaram os Paris Panthers, com 26pts e 197,52''. À pista foram Yuri Mansur/Ibelle Ask, Gregory Wathelet/MJT Nevados S e Darragh Kenny/Balou du Reventon.

O co-fundador do GCL, Jan Tops, revelou que o circuito em 2019 vai aumentar para 20 concursos e disse sobre esta edição inaugural dos Playoffs: "tivemos um evento perfeito, é algo que há dois anos não podíamos nem sonhar fazer. Todos contribuíram para este sucesso, desde os proprietários das equipas, aos cavaleiros, tratadores, a nossa equipa, parceiros de cada etapa e especialmente aqui em Praga, com a família Kellnerova. O nosso desporto entrou numa nova era".

Foto: LGCT / GCL / Stefano Grasso

 

Resultados completos AQUI.

Autor:

Carla Laureano

carlalaureano@invesporte.pt

QUER SABER MAIS SOBRE A CATEGORIA

Insira o seu e-mail e receba todas as novidades