Saltos. 28 AGO 2018

Scott Brash bate novo recorde

O britânico tornou-se o cavaleiro com mais vitórias em Grandes Prémios do circuito.


Tempo de Leitura: 3 Min

Scott Brash e Hello Mr President

Foi em Londres (Inglaterra), no início de Agosto, que Scott Brash voltou a entrar na história do Longines Global Champions Tour. Num Grande Prémio onde foram à pista 35 conjuntos, dos quais apenas sete foram ao desempate, Scott Brash garantiu o duplo limpo mais rápido. Montando Hello Mr President, o britânico fez o percurso em 38,88'', sendo este o 11.º GP que o cavaleiro vence.

Na 2.ª posição terminou o sueco Peder Fredricson, na sela de Hansson WL, com o jump-off limpo feito em 39,84''. Ao 3.º lugar do pódio subiu o alemão Ludger Beerbaum, em Casello, também sem faltas, mas com um tempo de 41,15''.

Uma vez que tanto Scott Brash como Peder Fredricson já tinham lugar garantido nos play-offs, foi o alemão que assegurou a presença na nova prova que se vai disputar em Praga.

Já na 14.ª etapa, que se disputou em Valkenswaard (Holanda), houve uma estreia. Entre os 34 conjuntos inscritos, 11 apuraram-se para o desempate e quem se destacou foi o cavaleiro da casa, Frank Schuttert, em Chianti's Champion, ao fazer um percurso limpo, em 39,89''.

Este foi um dos jump-offs mais emocionantes da temporada, uma vez que foi apenas um centésimo de segundo que separou os dois primeiros lugares. Na 2.ª posição ficou então o alemão Marcus Ehning, com Cornado NRW (39,90''), seguido do compatriota Christian Ahlmann, na sela de Tokyo (41,01'').

Depois desta etapa o holandês Frank Schutter já tem presença garantida nos play-offs. Quanto ao ranking geral, continua a ser liderado pelo britânico Ben Maher (270 pontos). O holandês Harrie Smolders mantém-se na 2.ª posição (234pts), seguido do italiano Alberto Zorzi (233pts).

Rome Gladiators

Quanto ao Global Champions League, em Londres foram precisamente os London Knights que somaram mais uma vitória nesta temporada. A equipa composta por Ben Maher, com Winning Good e Explosion W, e pelo belga Nicola Philippaerts, com H&M Chilli Willi, foi a única a terminar sem faltas.

Em 2.º terminaram os Shangai Swans, com Shane Sweetnam/Chaqui Z e Indra van de Oude Heihoef e Daniel Deusser/Cassiny Bay e Tobago Z. O 3.º posto foi conquistado pelos Miami Celtics, representados por Jessica Springsteen/RMF Swinny du Parc e Shane Breen*Ipswich van de Wolfsakker e RMF Echo.

Em Valkenswaard o pódio foi completamente diferente, com os Rome Gladiators a assegurarem a vitória. À pista foram o brasileiro Marlon Módolo Zanotelli, com Rock'N Roll Semilly e Sirene de la Motte, e o belga Constant van Paesschen, montando Jilbert van'T Ruytershof, que terminaram sem faltas.

Os Valkenswaard United terminaram a 14.ª etapa na 2.ª posição, depois das prestações de Marcus Ehning/Cornado NRW e Comme il Faut, e Alberto Zorzi/Fair Light van't Heike. Ao 3.º lugar do pódio subiram os Doha Fursan Qatar, representados por Michael Whitaker/El Wee Widge e Bassem Hassan Mohammed/Gunder.

No ranking a liderança continua a ser dos London Knights (304pts), seguidos dos Valkenswaard United (286pts). Na 3.ª posição encontram-se os Rome Gladiators (225pts).

A próxima etapa disputa-se em Roma, Itália, entre 6 e 9 de Setembro.

Fotos: LGCT / GCL / Stefano Grasso

 

Resultados Londres

- LGCT

- GCL

 

Resultados Valkenswaard

- LGCT

- GCL 

 

 Notícias relacionadas:

- Alberto Zorzi garante bilhete para Praga

- Bis para Nicola Philippaerts

- Egípcio conquista Paris

- Shane Breen estreia-se nas vitórias

- Belgas destacam-se em Cascais

- Mais um cavaleiro nos play-offs

- Alta competição na Riviera Francesa

- Smolders garante bilhete para os play-offs

- Três vitórias em Madrid

- Wathelet imparável em Xangai

- Começa a luta pelo terceiro título

- Brash começa LGCT com pé direito

Autor:

Carla Laureano

carlalaureano@invesporte.pt

QUER SABER MAIS SOBRE A CATEGORIA

Insira o seu e-mail e receba todas as novidades